Enunciado

Ver Outros Exercícios
desse livro

Explique claramente o que você entende por “derivação e integração são processos inversos”.

Resposta

Assim como nas operações mais básicas da matemática, saímos de um ponto com uma aplicação e voltemos nesse mesmo ponto quando aplicamos a operação inversa. Temos os exemplos de quando somamos uma quantidade a um número, e depois subtraímos uma mesma quantidade do número resultante temos como resultado o número inicial. Outro exemplo é pegarmos um número dividi-lo por certa quantia e logo após multiplicarmos pela mesma quantia voltando, assim, no número original. De modo análogo se integrarmos uma função e deriva-la em seguida voltamos a ter a mesma função.

Exercícios de Livros Relacionados

7. Calcule a ) ∫ 0 π 8 cos 2 ⁡ x   d x
Nos Exercícios 51-54, use uma integral definida para determinar a área
Encontre ∫ 0 5 f x d x se f x = 3 ,     p a r a   x < 3 x ,     p a
Suponha que f tenha uma valor mínimo absoluto m e um valor máximo abso
Use o resultado do Exemplo 3 para calcular ∫ 1 3 e x + 2 . d x .
Verifique, por derivação, que a formula está correta ∫ x cos ⁡ x d x =
Use a desigualdade s e n   x ≤ x , que é válida para x ≥ 0 , para
Determine a integral definida: ∫ c o s s e c 2 π s d s
Dê uma estimativa para a área entre o gráfico da função f e o interval
Prove que o Teorema 5.6.7 é válido para a ordenação dada: c < a <
Prove que o Teorema 5.6.7 é válido para a ordenação dada: b < c <
Calcule a integral definida ∫ 0 π 3 cos 2 ⁡ x   d x usando os res