Enunciado

Ver Outros Exercícios
desse livro

Se g t = e - 2 t cos ⁡ 4 t , determine G s

Passo 1

Bem, para resolver essa daqui precisamos saber quem é a transformada do cosseno...

L cos ⁡ a t = s s 2 + a 2

Em especial...

L cos ⁡ 4 t = s s 2 + 4 2

A presença do exponencial de - 2 t só faz você alterar o s ali por s + 2 , afinal...

L e - c t f t = F s + c

No nosso caso a f t = cos ⁡ 4 t , F s = s / ( s 2 + 4 2 )   e c é 2 , então...

L e - 2 t cos ⁡ 4 t = s + 2 s + 2 2 + 4 2

Resposta

L e - 2 t cos ⁡ 4 t = s + 2 s + 2 2 + 4 2

Exercícios de Livros Relacionados

Um aluno está descendo de skate uma rampa de 6,0 m de comprimento e in
Uma pessoa cujo peso é 5,20 10 2 N está sendo puxada para cima vertica
Calcule a integral. ∫     x e 2 x 1 + 2 x 2   d x
1. Verifique que a função dada é diferenciável.b) f x , y = x 4 + y 3
Calcule o centroide da área a seguir em termos das variáveis dos raios