Enunciado

Água entra na bomba de uma usina de potência a vapor como líquido saturado a 20   k P a e à vazão de 45   k g / s , e sai a 6   M p a . Desprezando as variações das energias cinética e potencial e assumindo que o processo seja reversível, determine a potência entregue pela bomba.

Passo 1

Faaaaala, galera! Prontos para mais uma questão?

Temos que:

W e ˙ = m ˙ v 1 ∫ 1 2 v d P + ∆ e p + ∆ e c

Como ∆ e p = ∆ e c = 0 , pois não temos energia potencial e cinética a expressão torna-se:

W e ˙ = m ˙ v 1 ∫ 1 2 v d P

Integrando, temos que o fluxo de trabalho na entrada será:

W e ˙ = m ˙ v 1 ( P 2 - P 1 )

Pela Tabela A-5, temos que:

v 1 = v f = 0,001017   m 3 / k g  

Podemos então substituir os valores:

W e ˙ = 45   k g / s ( 0,001017   m 3 / k g ) ( 6000   k P a - 20   k P a ) 1   k J 1   k P a ∙ m 3 = 274   k W

Até a próxima!

Resposta

W e ˙ = 274   k W

Exercícios de Livros Relacionados

Um aluno está descendo de skate uma rampa de 6,0 m de comprimento e in
Uma pessoa cujo peso é 5,20 10 2 N está sendo puxada para cima vertica
Calcule a integral. ∫     x e 2 x 1 + 2 x 2   d x
1. Verifique que a função dada é diferenciável.b) f x , y = x 4 + y 3
Calcule o centroide da área a seguir em termos das variáveis dos raios