Responde Aí

Enunciado

a) Para qual das seguintes substâncias você esperaria a maior entropia molar na fase líquido: benzeno, metanol (CH3OH) ou 1-propanol (CH3CH2CH2OH)? (b) Sua esposta seria diferente se essas substâncias estivessem na fase gás?

Passo 1

O autor quer que o discente avalie as estruturas moleculares dos compostos apresentados e trace um perfil entrópico dos mesmos. Lembrando que a estropia consiste na grau de liberdade que as moléculas de dado composto apresentam, ou em termos mais superficiais a desordem molecular apresentada por um sistema, podendo ser afetada por variáveis como temperatura e concentração.

Passo 2

  • PARTE A
  • O discente deve entender que entropia molar é uma grandeza diretamente relacionada com o número de moléculas apresentadas em um sistema, ou substância;
  • Avaliemos inicialmente quais compostos apresentam maior número molecular, quando isso é realizado temos benzeno, propanol e metanol respectivamente;
  • Posteriormente os compostos com maior número molecular (benzeno e propanol) podem ser avaliados com relação a liberdade das moléculas e quando isso é realizado nota-se que o benzeno tem uma grande restrição de mobilidade causada pela forma estrutural que ele esta organizado;
  • Pautado nessas informações em ordem crescente de entropia molar estariam metanol, benzeno e propanol;
  • PARTE B
  • Para resolver a questão b, o discente deve entender que ainda que variemos o estado físico da substancia em questão, sua composição química permanecera intacta, ou seja, a ordem descrita no item a continua tendo sua validade e não se altera;

Resposta

  1. 1-Propanol
  2. Não seria alterada, já que a composição química não seria modificada ainda que os estados físicos mudassem
Ver Outros Exercícios desse livro

Exercícios de Livros Relacionados

77. Imaginando a desordem estatística, você esperaria que um
8.7 Calcule a variação de entropia associada com a expansão
Sem fazer nenhum cálculo, prediga que temperatura correspond
44. Três amostras liquidas, de massas conhecidas, são aqueci
41. A dependência da capacidade calorifica de uma substancia