Enunciado

Ver Outros Exercícios
desse livro

Calcule ∆ r G θ (375 K) para a reação 2 C O g + O 2 ( g ) → 2 C O 2 ( g ) a partir dos valores de ∆ r G θ (298K), ∆ r H θ (298 K) e da equação de Gibbs-Helmhonltz.

Passo 1

Oi pessoal, vamos resolver essa questão?

Antes de partimos para o cálculo de ∆ r G θ (375 K) precisamos calcular os seguintes valores:

∆ r G θ T c = 2 ∆ f G θ C O 2   , g - ∆ f G θ C O ,   g

∆ r G θ T c = 2 - 394,36 - 2 ( 137,17 ) K J   m o l - 1

∆ r G θ T c = - 514,38   K J   m o l - 1

∆ r H θ T c = 2 ∆ f H θ C O 2   , g - ∆ f H C O ,   g

∆ r H θ T c = [ 2 - 393,51 - 2 ( - 110,53 ) ] K J   m o l - 1

∆ r H θ T c = - 565,96   K J   m o l - 1

O último dado que precisamos é p valor de:

τ = 375 298,15 = 1,258

Passo 2

Agora podemos calcular o valor de ∆ r G θ (375 K):

∆ r G θ 375   K = [ 1,258 - 514,38 + ( 1 - 1,258 ) ( - 565,96 ) ] K J   m o l - 1

∆ r G θ 375   K = - 501   K J   m o l - 1

Resposta

∆ r G θ 375   K = - 501   K J   m o l - 1

Exercícios de Livros Relacionados

3.16 (b) Suponha que 2,5 mmol de A r g ocupem 72 cm^2 a 298 K e se exp
3.10 (b) Com as energia de Gibbs padrões de formação, calcule as energ
3.10 (a) Com as energia de Gibbs padrões de formação, calcule as energ
3.11 (b) Calcule a energia de Gibbs padrão de reação C O g + C H 3 O H
3.12 (a) A entalpia padrão de combustão do fenol sólido ( C 6 H 5 O H