Enunciado

Ver Outros Exercícios
desse livro

73- O disco circular A é colocado sobre o topo do disco B submetido a uma força compressiva de 400   N . Os diâmetros de A e B valem 225   m m e 300   m m , respectivamente, e a pressão sob cada disco é constante em toda sua superfície. Se o coeficiente de atrito entre A e B vale 0.40 determine o momento M que fará com que A deslize sobre B . Além disso, qual é o coeficiente de atrito μ mínimo entre B e a superfície de apoio C que impedirá que B gire?

Passo 1

Por estarmos com um sistema que atrita dois discos há uma pressão uniforme e sem variação do coeficiente de atrito logo:

M = 2 3 μ P R

Passo 2

Momento de deslizamento de A em B :

M = 2 3 × 0.4 × 400 × 225 2 × 1 0 - 3 = 12   N m

Onde 225 2 × 10 - 3 é o raio do disco A convertido pra metros.

Passo 3

Para que o disco B não gire basta fazer com que C resista a esse momento com a mesma intensidade com que A desliza em B .

12 = 2 3 × μ × 400 × 300 2 × 10 - 3

μ = 0.3

Resposta

M = 12   N m

μ = 0.3

Exercícios de Livros Relacionados

135- Calcule o momento M aplicado ao cilindro inferior do par, ambos c
129- Determine a faixa de massas m do cilindro para a qual o sistema e
Encontre o momento M necessário para girar o tubo no bloco em V contra
80- Determine a força P necessária para abaixar o cilindro de 40