Enunciado

Ver Outros Exercícios
desse livro

A pressão de vapor 2-propanol é 50kPa , a 338,8 ℃ , mas cai a 49,62   k P a quando dissolvem. Em 250g de propanol, 8,69g de um composto orgânico não-volátil. Calcule a massa molar do composto.

Passo 1

Fala aí meu jovem, tudo certinho?

O exercício nos pede para calcular a massa molar de um composto, se ele obedece a lei de Rault, podemos determinar a fração molar do solvente com:

x A = p p *  

Como o 2-propanol é conhecido, nos sabemos sua massa molar, então o número de mols pode ser determinado por:

n A = m M M

Podemos usar a fórmula que diz:

x A = n A n A + n B

Isolando, teremos:

n A + n B = n A / x A

Isolando n B que não conhecemos:

n B = n A 1 x A - 1  

A massa molar de B será dada por:

M B = m B n B

Bora calcular?

Passo 2

Primeiro, temos que:   x A = p p *

E nós temos que:

p = 49,62   k P a

p * = 5 0   k P a

Aplicando, teremos:

x A = 0 , 9924

Conhecemos o 2-propanol e temos 250g dele, e sua massa molar é M C 3 H 8 O = 60,096   g / m o l .

O número de mols do 2-propanol será:

n A = 2 50 g 60,096 g / m o l = 4,16   m o l

Passo 3

A fração molar do composto será dada por n B , onde podemos usar a fórmula:

n B = n A 1 x A - 1  

Se x A = 0 , 9924,16 e n A = 4   m o l :

n B = 4,16 1 0,9 9 2 4 - 1

n B = 3,186.10 - 2   m o l

Sabendo que temos 8,69 g   do composto, podemos dizer que sua massa molar é:

M B = m B n B

M B = 8,6 9 g 3,186.10 - 2 m o l = 270   g / m o l

Resposta

270   g / m o l

Exercícios de Livros Relacionados

Um refrigerante foi fabricado por dissolução de C O 2 em 3,6 atm em um
A concentração mínima em massa de oxigênio necessária para os peixes é
O volume de sangue no corpo de um mergulhador de mar profundo é aproxi
Um refrigerante foi fabricado por dissolução de CO2 em 4,0 atm em uma
A 300 K, as pressões parciais de vapor do HCl (isto é, as pressões par