Enunciado

10.3E Um cilindro rola em uma rampa de inclinação θ = 30 ° . A) Calcule a aceleração angular do cilindro B) Calcule a força de atrito da rampa sobre o cilindro.

Passo 1

Show de bolinhas pessoal, pra calcular a aceleração angular do nosso cilindro, vamos supor que ele tenha um raio R , uma massa M e um momento de inércia I , dessa maneira, como o cilindro está rolando pela rampa, o somatório das forças que atuam sobre o corpo geram uma força resultante:

F → p e s o sen ⁡ θ - F → a t r i t o = M a

M g sen ⁡ θ - F → a t r i t o = M a

Mas essa força de atrito é a responsável por gerar o torque τ que faz o cilindro rolar, tal que:

τ = R × F → a t r i t o

E torque também pode ser expresso como:

τ = I α

Onde α é aceleração angular sendo relacionado com a aceleração linear através da relação a = α R , então igualando os torques, descobrimos que a força de atrito é:

R × F → a t r i t o = I α

F → a t r i t o = I α R

Logo nosso somatório das forças se torna:

M g sen ⁡ θ - I α R = M a

E fazendo a substituição a = α R , podemos isolar a aceleração angular de forma que:

M g sen ⁡ θ - I α R = M α R

g sen ⁡ θ = α R + I α M R

α = g sen ⁡ θ R + I M R

Iradoso, então se a gente substistituir os valores que conhecemos de sen ⁡ θ = sen ⁡ 30 = 1 / 2 . E lembrando que o momento de inércia do cilindro é I = M R 2 / 2 , teremos que:

α = g 1 2   R + M R 2 / 2 M R

α = g 1 2   R + R 2

α = g 3 R

Passo 2

Sabemos que a força de atrito é a força responsável por fazer o nosso cilindro rola, dessa maneira o torque τ que a força de atrito exerce é o responsável direto por toda aceleração angular que o corpo possui, tal que:

τ = I α

E também:

τ = R × F → a t

Logo igualando as expressões, temos que:

R × F → a t = I α

F → a t = I α R

Então substituindo nossos valores, descobrimos que:

F → a t = M R 2 2 g 3 R R

F → a t = M g R 2 6 R 2

Portanto:

F → a t = M g 6

Resposta

  1. α = g 3 R
  2. F → a t = M g 6

Exercícios de Livros Relacionados

Um mecanismo em forma de ioiô, montado em um eixo horizontal sem atrito, é usado para levantar uma caixa de 30   kg , como mostra a figura abaixo. O raio externo R da roda é 0,5   ...
Na Fig. 11-60, uma força horizontal constante F → de módulo 12   N é aplicada a um cilindro maciço homogêneo através de uma linha de pescar enrolada no cilindro. A massa do cilindr...
10.7P Calcule em termos do raio R   da bola, o parâmetro de impacto b de uma tacada com que um jogador deve chutar uma bola para que esta tenha uma velocidade angular vertical dada...
Um ioiô possui um momento de inércia de 950 g c m ² ² e uma massa de 120 g . O raio do eixo é 3,2 m m e a corda tem 120 c m de comprimento. O ioiô rola para baixo, a partir do repo...
Uma bola de bilhar, inicialmente em repouso, recebe uma forte tacada. A força é horizontal e aplicada a uma distância 2 R 3 abaixo da linha diametral, como mostra a figura. A rapid...
Um fio é enrolado diversas vezes em torno da periferia de um pequeno aro de raio 8,0 cm e massa 0,180 kg. A extremidade livre do fio é mantida fixa e o aro é libertado a partir do ...
Para um disco de massa M   e raio R , que eola sem deslizar, o que é maior, sua energia cinética translacional ou sua enérgica cinética em relação ao centro de massa? (a) A energia...
Para uma argola de massa M   e raio R , que eola sem deslizar, o que é maior, sua energia cinética translacional ou sua enérgica cinética em relação ao centro de massa? (a) A energ...
Uma bola maciça e uniforme, com 20 g de massa e 5,0 c m de raio, é colocada sobre uma superfície horizontal. Uma força é aplicada sobre a bola, horizontalmente e 9,0 cm acima da su...
Um cordão é enrolado em torno de um cilindro maciço e homogêneo, de raio R e massa M , que está colocado sobre uma superfície horizontal sem atrito. (O cordão não toca a superfície...
Pedras que rolam. Uma pedra esférica, uniforme e maciça parte do repouso e rola para baixo de uma colina de 50,0   m de altura, como indica a Figura 10.60 . A metade superior da co...
Uma bola de boliche esférica uniforme é lançada, com velocidade v 0 horizontal e sem rotação inicial, sobre uma cancha horizontal, com coeficiente de atrito cinético μ c . (a) Que ...