Enunciado

Ver Outros Exercícios
desse livro

Determine uma equação da superfície constituída de todos os pontos P para os quais a distância de P ao eixo x é o dobro da distância de P ao plano y z . Identifique a superfície.

Passo 1

Pessoal, pra chegar a uma equação pra superfície descrita no enunciado, primeiro precisamos ser capazes de descrever as distâncias.

Se dissermos que um ponto P da nossa superfície tem coordenadas x ,   y , então a distância d 1 de P ao eixo x será:

d 1 = y 2 + z 2

Agora, vamos escrever a distância d 2 de P ao plano y z , que corresponde ao plano x = 0 :

d 2 = x - 0 = x

Passo 2

Mas, o enunciado diz que:

d 1 = 2 d 2

y 2 + z 2 = 2 x

y 2 + z 2 = 4 x 2

Pela forma da equação, podemos identificar a superfície como um cone circular, certo?

Resposta

4 x 2 = y 2 + z 2

Cone circular

Exercícios de Livros Relacionados

Use cortes para esboçar e identificar as superfícies. 25 x 2 + 4 y 2 +
Use cortes para esboçar e identificar as superfícies. x = y 2 - z 2
Coloque a equação na forma-padrão, classifique a superfície e esboce-a
Coloque a equação na forma-padrão, classifique a superfície e esboce-a
Determine uma equação da superfície obtida pela rotação da parábola y
Uma torre de resfriamento de um reator nuclear deve ser construída na
Desenhe as superfícies z = x 2 + y 2 e z = 1 - y 2 em uma mesma tela u
Tradicionalmente, a superfície da Terra tem sido modelada por uma esfe
Determine uma equação da superfície constituída de todos os pontos que
Use cortes para esboçar e identificar as superfícies. 36 x 2 + y 2 + 3
Descreva e esboce a superfície. z = 4 - x 2
Use cortes para esboçar e identificar as superfícies. x = y 2 + 4 z 2