Responde Aí

Enunciado

Um hidroavião voa a 160 km/h através do ar a 7ºC. A que distância da borda de ataque do lado inferior da fuselagem a camadalimite deve passar do regime laminar para turbulento? Como essa transição do regime da camada­limite muda conforme o lado inferior da aeronave toca na água durante a aterrissagem? Considere que a temperatura da água também é 7°C.

Passo 1

Fala aí galera, vamos para mais um problema de mecânica dos fluidos. Este problema nos pede para compararmos duas situações através do regime da camada limite da asa de um avião nas condições dadas. Portanto, em 7   ° C , temos:

R e t r a n s = ρ V x t r a n s μ = V x t r a n s v x t r a n s = v R e t r a n s V

Substituindo:

x t r a n s = 0,8 × 10 - 5 500000 160 3,6

x t r a n s = 0,09   m

Passo 2

No segundo caso, quando o lado inferior do avião toca a água, temos:

x t r a n s = v R e t r a n s V

Substituindo:

x t r a n s = 1,5 × 10 - 5 500000 160 3,6 x t r a n s = 0,169   m

Resposta

x t r a n s = 0,09   m

x t r a n s = 0,169   m

Ver Outros Exercícios desse livro

Exercícios de Livros Relacionados

ÓleoSAE30a100ºCescoaatravésdeumtubodeaçoinoxidávelcom12mmded
Uma placa quadrada de 1,0m de lado e 20N de peso desliza sob
O eixo da figura, ao girar, provoca a rotação do tambor. Est
São dadas duas placas planas paralelas à distância de 2m m .
O pistão da figura tem uma massa de 0,5k g . O cilindro de c