Enunciado

Ver Outros Exercícios
desse livro

O atleta mostrado na Figura P3.23 gira um disco de 1,00 kg ao longo de uma trajetória circular de raio 1,06 m. A velocidade máxima do disco é 20,0 m/s. Determine o módulo da aceleração radial máxima do disco.

Passo 1

Seguinte, amigos, a massa desse disco nem vai interferir em nada, uma vez que a aceleração radial, também conhecida como centrípeta, independe da massa do corpo.

Essa aceleração tem a seguinte formulinha:

a c p = v 2 r

Sendo v a velocidade tangencial do corpo e r o raio da trajetória circular, ok?

Certo. Como nos é dito que a velocidade máxima do disco é de 20,0   m / s , é essa a velocidade que vai nos dar uma aceleração centrípeta máxima. Faz sentido, né?

Então, gente boa, é literalmente só jogar na fórmula, gente. A gente vai ter:

a c p = 20,0   m / s 2 1,06   m

∴ a c p ≅ 377   m / s 2

Resposta

a c p ≅ 377   m / s 2

Exercícios de Livros Relacionados

Uma partícula P se move com velocidade escalar constante sobre uma cir
Um astronauta é posto em rotação em uma centrífuga horizontal com um r
Um carrossel de um parque de diversões gira em torno de um eixo vertic
Uma bolsa a 2,00   m do centro e uma carteira a 3,00   m do
75. Nos Problemas de 74 a 76 são fornecidas algumas equações que devem