Lista de Exercícios Resolvidos de Equilíbrio em duas Dimensões

Ver Teoria

Calcule o módulo da força suportada pelo pino em B no dispositivo em curva, carregado e apoiado como mostrado.

Ver solução completa

Determine a força P necessária para começar a rolar o cilindro uniforme de massa m sobre o degrau h .

Ver solução completa

Determine as componentes horizontal e vertical da reação no pino A e a reação do colar liso B sobre a barra.

Ver solução completa

Determine a força trativa T no parafuso tensor do sistema polia-cabo em termos da massa m do corpo que ele sustenta. Despreze a massa das polias e do cabo.

Ver solução completa

A viga uniforme tem massa de 50   k g por metro de comprimento. Calcule as reações no apoio O . As cargas mostradas estão em um plano vertical.

Ver solução completa

Determine as reações externas em A e F para a treliça de um telhado carregada como mostrado. As cargas verticais representam o efeito de sustentação dos materiais do telhado, enquanto a força de 400   N representa uma carga devida ao vento.

Ver solução completa

Calcule as forças e o momento de reação na base aparafusada O da estrutura de sinal de trânsito suspenso. Cada sinal tem uma massa de 36   k g , enquanto que as massas dos elementos O C e A C são 50   k g e 55   k g , respectivamente.

Ver solução completa

O elemento O B C e a roldana em C , juntos, têm uma massa de 500   k g , com um centro de massa combinado em G . Calcule o módulo da força suportada pela conexão de pino em O quando a carga de 3   k N é aplicada. O colar em A só pode dar apoio na direção horizontal.

Ver solução completa

O suporte deslizante é usado para apoiar partes de chapas longas enquanto elas são cortadas por uma série de bancadas. Se a chapa exerce uma força direcionada para baixo de 25   N no rolete C , determine as ações verticais em A   e   D . Note que a conexão em B é rígida e que os pés A   e   D são tubos horizontais razoavelmente longos, com recobrimentos deslizantes.

Ver solução completa

A barra uniforme de 5   m e massa de 100   k g é articulada em O e impedida de girar mais do que 30 ° no plano vertical pelo rolete fixo em A . Calcule o módulo da força total suportada pelo pino em O .

Ver solução completa

A barra uniforme O A com 18   k g é mantida na posição mostrada por um pino liso em O e pelo cabo A B . Determine a força trativa T no cabo e o módulo e a direção da reação externa no pino em O .

Ver solução completa

O centro de massa G do carro de motor traseiro e com 1400   k g está localizado como mostrado na figura. Determine a força normal sob cada pneu quando o carro está em equilíbrio. Descreva qualquer hipótese feita.

Ver solução completa

O conector de correntes é utilizado para segurar cargas de troncos, madeira, tubos e congêneres. Se a força trativa T 1 vale 2   k N quando θ = 30 ° , determine a força P necessária na alavanca e a força trativa correspondente T 2 para essa posição. Admita que a superfície sob A é perfeitamente lisa.

Ver solução completa

Determine a força P necessária para manter o motor de 200   k g na posição para a qual θ = 30 ° . O diâmetro em B é desprezível.

Ver solução completa

A viga em I uniforme e com 450   k g sustenta a carga mostrada. Determine as reações nos apoios.

Ver solução completa