Exercícios Resolvidos de Redes de Difração

Ver Teoria

Enunciado

Uma rede de difração com d = 1,50   μ m é iluminada por uma luz com um comprimento de onda de 600   n m para vários ângulos de incidência.

Faça um gráfico (para o intervalo de 0 ° a 90 ° ) do ângulo entre a direção do máximo de primeira ordem e a direção de incidência em função do ângulo de incidência.

Passo 1

O ângulo entre a direção do máximo e a direção de incidência é φ = ψ + θ .

Como estamos no primeiro máximo, temos:

sen ⁡ ψ + sen ⁡ θ = m λ d = λ d = 600 1500 = 0,4

Onde usamos d = 1,50   μ m = 1500   n m .

O ângulo θ vai ser:

θ = sen - 1 ⁡ 0,4 - sen ⁡ ψ

Passo 2

O ângulo buscado em função do ângulo de incidência ψ vai ser:

φ = ψ + sen - 1 ⁡ 0,4 - sen ⁡ ψ

Passo 3

-

Fazendo o gráfico do resultado:

Exercícios de Livros Relacionados

Para uma rede de difração na qual todas as superfícies são normais à r
Uma rede de difração com 2000 fendas por centímetro, duas linhas no es
Uma rede de difração que tem 4800 linhas por centímetro e é iluminada
Uma rede de difração tem 2000 fendas por centímetro e é usada para ana