Exercícios Resolvidos de Redes de Difração

Halliday, Resnick, Jearl Walker, Fundamentos de física, volume 4: Óptica e Física Moderna, 8ª ed. Rio de Janeiro: LTC, 2009, pp 144-92, modificado

Uma rede de difração com d = 1,50   μ m é iluminada por uma luz com um comprimento de onda de 600   n m para vários ângulos de incidência.

Faça um gráfico (para o intervalo de 0 ° a 90 ° ) do ângulo entre a direção do máximo de primeira ordem e a direção de incidência em função do ângulo de incidência.

Passo 1

O ângulo entre a direção do máximo e a direção de incidência é φ = ψ + θ .

Como estamos no primeiro máximo, temos:

sen ψ + sen θ = m λ d = λ d = 600 1500 = 0,4

Onde usamos d = 1,50   μ m = 1500   n m .

O ângulo θ vai ser:

θ = sen - 1 0,4 - sen ψ

MOSTRAR SOLUÇÃO COMPLETA

Passo 2

O ângulo buscado em função do ângulo de incidência ψ vai ser:

φ = ψ + sen - 1 0,4 - sen ψ

Passo 3

-

Fazendo o gráfico do resultado:

Esse conteúdo é exclusivo para cadastrados.

Cadastre-se grátis no maior portal de exatas do Brasil!

Relaxa, não vamos publicar nada no seu nome.

  • Resumões direto ao ponto
    Resumões
    direto ao ponto
  • Exercícios resolvidos passo a passo
    Exercícios resolvidos
    passo a passo
  • Videoaulas incríveis
    Videoaulas
    incríveis
  • Aulões Salva-Vidas
    Aulões
    Salva-Vidas