Exercícios Resolvidos de Introdução à EDO

Denis G. Zill, Equações Diferenciais Volume I , 3ª ed. São Paulo: PEARSON education do brasil ltda., 2007, pp. 162 - 1

Sabe-se que y = c 1 e x + c 2 e - x é uma família de soluções para y " - y = 0 no intervalo ( - , + ) . Encontre um membro dessa família satisfazendo as condições iniciais y 0 = 0 e y ' 0 = 1 .

Passo 1

Trata-se de um problema de valor inicial, pois temos informações do tipo:

y x 0 = y 0

y ' x 0 = y 1

Como o problema já afirma que y = c 1 e x + c 2 e - x é solução, não precisamos provar que y é solução.

Portanto, vamos começar encontrando a primeira derivada de y .

y = c 1 e x + c 2 e - x

y ' = c 1 e x - c 2 e - x

MOSTRAR SOLUÇÃO COMPLETA

Passo 2

Agora, vamos utilizar as informações fornecidas no enunciado para encontrar o valor das constantes. Temos:

y 0 = 0

y 0 = c 1 e 0 + c 2 e 0 = 0

y 0 = c 1 + c 2 = 0

c 1 = - c 2

Além disso:

y ' ( 0 ) = 1

y ' 0 = c 1 e 0 - c 2 e 0 = 1

y ' 0 = c 1 - c 2 = 1

c 1 = 1 + c 2

Das duas equações acima temos:

- c 2 = 1 + c 2

c 2 = - 1 2

Logo:

c 1 = 1 2

Passo 3

Por fim, basta substituir os valor de c 1 e c 2 na equação:

y = c 1 e x + c 2 e - x

Fica assim:

y = 1 2 e x - 1 2 e - x

Resposta

y = 1 2 e x - 1 2 e - x

Esse conteúdo é exclusivo para cadastrados.

Cadastre-se grátis no maior portal de exatas do Brasil!

Relaxa, não vamos publicar nada no seu nome.

  • Resumões direto ao ponto
    Resumões
    direto ao ponto
  • Exercícios resolvidos passo a passo
    Exercícios resolvidos
    passo a passo
  • Videoaulas incríveis
    Videoaulas
    incríveis
  • Aulões Salva-Vidas
    Aulões
    Salva-Vidas