Um corpo de 20   k g apoiado sobre um plano horizontal sem atrito está submetido a várias forças horizontais, - 40   N , 20   N , 40   N e -10 N. Determine a aceleração do corpo.

(a) 1,0   m / s 2

(b) 1,5   m / s 2

(c) 0,25   m / s 2

(d) 0,5   m / s 2

(e) 2,0   m / s 2

Passo 1

Fala aí!!!

Temos várias forças atuando em um corpo de massa 20   k g . Qual é a aceleração que esse corpo ganhou?

Então, vamos usar a segunda lei de Newton para resolver essa equação.

Tá lembrado não? Vem comigo então!

Passo 2

A segunda lei de Newton diz como podemos relacionar uma força em um objeto com o movimento dele.

∑ F → = m a →

A soma de todas as forças, ou a força resultante, é igual ao produto da massa pela aceleração do corpo.

No nosso caso, ele fala pra gente que todas as forças estão na horixontal, então não precisamos nos preocupar com os vetores, tá tudo na mesma direção, então podemos escrever:

∑ F = m a

Beleza?

Passo 3

As forças que atuam no corpo são:

∑ F = m a

- 40 + 20 + 40 - 10 = m a

10 = m a

A massa do copor vale 20   k g , então:

a = 10 20

a = 0,5   m / s 2

Uhuuul!! Arrasamos!

Resposta

Alternativa (d)

Exercícios de Livros Relacionados

Uma força horizontal constante F → a empurra um pacote dos correios de
Propulsão solar. Um "iate solar'' é uma nave espacial com uma grande v
Existem duas forças horizontais atuando na caixa de 2,00   k g da
Você puxa um pequeno refrigerador com uma força constante em um piso e